segunda-feira, janeiro 10, 2005

IRAQUE
Com a aproximação das eleições no Iraque, o número de atentados no pais tem aumentado.
Este facto, associado à insistência dos Estados Unidos em querer comandar os destinos deste País leva-me a concluir que:
Errar é humano, persistir no erro é americano, acertar no alvo é muçulmano

Sem comentários: