quarta-feira, outubro 15, 2003

AS PUTAS

Isto faz-me lembrar uma canção Portuguesa que dizia o seguinte: " Parecem bandos de pardais à solta...osputos...os putos". Ora, parece que a versão femenina está a fazer sucesso em Bragança.
Ontem, não se falava de outra coisa, mas temos de tentar compreender este fenomeno. Em Bragança existe um movimento chamado "AS MÃES DE BRAGANÇA", mas elas quando vão à televisão não mostram a cara,e isto, porquê? Porque se elas o fizessem,ao vê-las a nossa reacção seria: " olha, o emplastro arranjou os dentes e, deixou crescer o cabelo".
Outra das razões é que elas enganam os homens, e eu sei isto, porque, outro dia ao falar com um Bragantino, ele disse-me que, durante anos pensou que, depois de apagar a luz, a mulher lhe esfregava a cona na cara, para que ele a minitia-se, mas que só à poucos dias descobriu que ela, efectivamente, o beijava na boca.
È por isso que eu compreeendo os homens de Bragança. Não deve ser facil.
Voltando as Mães de Bragança, essas senhoras querem acabar com uma das nossas mais antigas tradições, porque se elas são mães, devem ter filhos, e toda a gente conhece essa linda tradição, dos pais, de mão dada com os seus rebentos, em alegre caminhada até à casa da meninas mais próxima,para que estas lhes tirassem a virgindade, se bem que em alguns casos esta experiência tenha corrido mal, como no caso do José Castelo Branco,talvez esteja aqui a explicção para a sua condição actual. Mas voltando ao assunto, é por causa de manifestações como estas, que as nossas tradições vão desaparecendo, qualquer dia ainda dizem que bater nas mulheres é mal feito. Isto é tudo culpa das novelas, mas esse assunto fica para outra altura.

Sem comentários: